Oh fase! Comigo aconteceu no primeiro trimestre e foi melhorando ao longo da gestação (mas só acabou depois do parto!).

Acordava bem e logo que a fome aparecia, a ânsia vinha também. Minha mãe, marinheira de duas viagens sugeriu que eu tomasse suco de limão sem açúcar (eu tomei o suco, mas com bastante açúcar!) e realmente funcionava. Tomava uns 3 por dia, sempre quando dava ânsia e durante as refeições.

Mas, algumas vezes nem o limão dava conta e ainda tinha a  companhia da azia! E ai não tinha outra opção de cura a não ser remédio, tomava logo 2 colheradas bem caprichadas de Mylanta Plus (eu confesso que nem perguntei para o médico se podia, li a bula, perguntei para minha mãe se ela havia tomado também e parti pro abraço ou para a golada!). Santo Mylanta Plus, tomei de dia, de noite, de madrugada, Mylanta Plus é vida!!!!!

Como comentei em outro post, tiveram duas ocasiões em que eu não consegui segurar a ânsia e logo veio o “ugo”. Para resolver esse problema que aconteceu no 2º mês de gestação, apelei para outro remédio, o Dramin (também sem orientação médica, mas é melhor perguntar para o GO, cada pessoa é de um jeito, portanto, não faça como eu e vá procurar um GO!) . Dramin, famoso pelo seu poder de apagar qualquer um, ele me ajudou 100% a não vomitar tudo o que comia e ainda me deu um soninho dos anjos!

Não gosto da ideia de tomar remédios, principalmente durante a gravidez, mas foi inevitável, ou eu tomava, ou vomitava toda comida e ficaria doente junto com a Gi.

Se esta tendo problemas com azia e ânsia, evite alimentos gorduros, fritura, chocolate (sim, só por um mês), leite e coisas do gênero, procure se alimentar da melhor forma possível. Quando eu tinha esses episódios de mal estar, sempre pensa que era a Gi reclamando do que eu estava comendo “Nossa mãe, quanta porcaria! Para com isso ou vou colocar tudo para fora!” e era bem assim mesmo!

Outra coisa que me deixava extremamente enjoada era ter que tomar a vitamina que o médico passou. Eu até tentei tomar, mas sempre ficava pior o enjoo, portanto, resolvi não tomar e senti que melhorei. As vitaminas não fizeram falta durante a gestação, mas todas as pessoas (TODAS) acharam um absurdo eu não tomar, a Gi nasceu ótima e eu fiquei ótima a gestação toda (principalmente depois de parar com as vitaminas!).

Eu também dava uma volta na rua quando estava mal, parece que melhora mesmo, ar novo, ambiente aberto, ver outras coisas, super indico uma caminhadinha durante o dia e o fim da tarde!

Não tive problemas com perfumes ou pessoas (menos ainda com meu bichinho de estimação), mas tive problemas com comidas (e cheiro das comidas!), então, se possível, peça para outra pessoa preparar seu almoço durante esse mês mais chatinho. Pedi para minha avó e a minha mãe, elas cozinharam e eu tive um pouco de mordomia e paz com as ânsias.

A sensação é que essa fase terrível nunca iria passar, que eu iria emagrecer até sumir, mas ela passou, perdi 3kg no começo da gestação por conta disso, mas recuperei no mês seguinte e engordei 15kg na gestação, então, relaxa!!!

O que aprendi na gestação é NUNCA coma e depois tire um cochilo!E NUNCA coma um pote de batatinha curtida, você não vai curtir depois!